Gestão: o que é e como atuar nessa área?
Dicas de carreira

Gestão: o que é e como atuar nessa área?

A área de gestão é parte essencial das atividades desenvolvidas em qualquer setor, tendo em vista sua participação na condução e supervisão de processos.

O gestor de uma empresa é um membro de grande responsabilidade, uma vez que os demais colaboradores dependem da sua atuação.

Para ser um bom gestor, é preciso conhecer bem a área em que se atua, trazendo os conhecimentos técnicos necessários, mas também desenvolver habilidades que ajudem a conduzir processos e orientar pessoas.

Neste post, falaremos sobre o que é gestão e como funciona a atuação nessa área. Confira!

O que é gestão?

Essa é uma área que se insere em muitas outras, pois consiste na coordenação dos processos que estruturam a atuação em cada ramo.

Dessa maneira, contribui para a organização das atividades que são desenvolvidas entre os membros de uma instituição ou empreendimento, o que proporciona uma rotina de trabalho mais eficiente.

Trata-se, portanto, de conhecer a função exercida por cada pessoa que compõe o ambiente de trabalho em que se atua, de modo a identificar a melhor maneira de contribuir com a otimização das tarefas que realizam.

Além disso, quem trabalha como gestor deve possuir também uma visão abrangente do funcionamento da instituição que compõe, para que seja possível identificar eventuais falhas nos processos desenvolvidos.

Quais são os ramos da gestão?

Por estar presente em diversos setores, a gestão é composta por vários ramos, atrelados ao segmento em que se dá a atuação.

Em cada caso, é necessário que o profissional conheça diversos aspectos do campo em questão, para que possua uma perspectiva abrangente e totalizante daquilo que constitui o segmento.

Para além do conhecimento técnico, é importante que o gestor possua também habilidades que proporcionem uma comunicação eficaz com a equipe atuante no ambiente de trabalho, bem como a capacidade de delegar tarefas e avaliar o desempenho de cada processo desenvolvido.

Assim, quem gostaria de trabalhar com funções dessa ordem pode atuar em diversos ramos.

Gestão de Recursos Humanos

O departamento de Recursos Humanos é fundamental para qualquer empresa ou instituição, atuando em procedimentos como recrutamento e seleção de colaboradores, bem como o gerenciamento de seus benefícios.

Assim, uma direção eficiente é fundamental para que processos que fazem parte da rotina administrativa do estabelecimento sejam bem conduzidos.

Dessa maneira, serão evitadas complicações relacionadas à elaboração de folhas de pagamento, horas extras, 13º salário e concessão de benefícios ao trabalhador.

O papel do gestor, nesse cenário, é supervisionar e conduzir esse tipo de procedimento, identificando quais são as melhores estratégias a serem aplicadas no departamento.

Desempenha, portanto, uma importante função para as relações trabalhistas estabelecidas dentro desse ambiente, operando a favor de um melhor desempenho de todos os funcionários e, consequentemente, da própria instituição.

Gestão Financeira

Outro fator essencial para o bom funcionamento de um empreendimento são os recursos financeiros, que dependem de uma boa direção do setor para serem aplicados de maneira eficiente.

Nesse sentido, o gestor deve estar atento a diversos aspectos das finanças da instituição em que atua, tendo em mente a necessidade de um bom planejamento, controle e monitoramento dos procedimentos relacionados às finanças.

Dessa forma, o profissional deve estudar o quadro do empreendimento para compreender quais são suas metas e maiores objetivos, elaborando estratégias para alcançá-los de forma efetiva.

Para isso, o gestor deve contar com uma boa formação na área de ciências exatas, que traga um olhar mais objetivo para esse quadro, além de ser bastante organizado e metódico.

Gestão Pública

Trabalhar como gestor envolve estar sempre atento ao que é melhor de um ponto de vista coletivo, evitando perspectivas subjetivas e pessoais de uma determinada situação.

Entidades públicas, tais quais certos órgãos, entidades e até algumas Organizações Não Governamentais (ONGs), também dependem de um gestor capacitado, que compreenda quais as melhores formas de proceder tendo em vista um objetivo comum e coletivo.

Assim, a gestão pública depende da capacidade de o profissional de encontrar alternativas práticas e efetivas, que permitam a manutenção de um bom funcionamento para essas instituições cuja atuação é voltada para a população em geral.

Nesse caso, pode ser importante que o gestor possua conhecimento a respeito das instâncias que estruturam o poder público, além de compreender o papel fundamental desempenhado por tais entidades.

Trata-se de uma grande responsabilidade, uma vez que envolve a oferta de serviços a toda a população.

Gestão de Tecnologia da Informação

Com os avanços constantes alcançados no campo da tecnologia, o mercado de trabalho tem se alterado constantemente, cada vez mais contando com a presença desse fator.

Nesse sentido, a área de Tecnologia da Informação passou por um crescimento significativo, sendo vista como uma possibilidade promissora de carreira.

Como ocorre em diversos outros setores, faz-se necessária a presença de uma direção capaz de conduzir com eficiência os procedimentos desenvolvidos na área.

Exemplos disso são o gerenciamento de redes, de bancos de dados e o desenvolvimento de sistemas, atividades essenciais para qualquer empreendimento ou instituição.

A direção surge mais uma vez como um fator central desses processos, uma vez que é o que permite sua organização e bom desempenho.

Gestão de Produção Industrial

No setor da indústria, também podemos reforçar a importância de um bom gerenciamento das operações, que promova a realização efetiva de processos internos e externos aos ambientes de trabalho.

Diversas atividades estão presentes na produção em cadeia de bens, sejam eles quais forem, o que torna necessário gerenciar e conduzir a realização de tarefas de forma organizada e coerente.

Esse é o papel do gestor nesse espaço, garantindo que cada atividade seja realizada como deve e que não haja prejuízos ou complicações para a indústria.

Como trabalhar com gestão?

Para atuar na área de gestão, como mencionamos, é preciso possuir tanto os conhecimentos técnicos do ramo em que se deseja atuar quanto apresentar algumas habilidades fundamentais para o profissional.

Para garantir que estará preparado para a responsabilidade envolvida na função, o profissional pode recorrer aos cursos superiores de tecnologia, ou tecnólogos de gestão, que são divididos entre os diferentes ramos da área.

Sendo cursos tecnólogos, a formação é mais curta, com cerca de 4 semestres, e oferece um conteúdo voltado para a atuação direta no mercado de trabalho.

Dessa forma, é possível se preparar de forma efetiva para trabalhar na gestão em qualquer ramo, contando não apenas com a habilitação mas também com uma bagagem de conhecimento significativa.

Está interessado em atuar nessa área? Então, você precisa conhecer a Ulbra, a Universidade Luterana do Brasil!

Além dos Cursos de Gestão, oferecemos também diversas outras opções de formação para que você escolha aquela que mais interessar.

Para conhecer mais informações a respeito de processos seletivos, descontos nas mensalidades e modalidades de ensino, acesse nossa página.

Publicado em 21 de julho de 2022, por Equipe Ulbra

Posts relacionados

  • O que é pós-graduação?

    O que é pós-graduação?

    A pós-graduação tem se popularizado em meio aos profissionais do país como uma maneira de se manter atualizado em relação […]

Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin